Blog PTX

Personal Trainer (PT) vs Aulas de Grupo no contexto digital

Dados os enormes constrangimetos que vivemos atualmente, grandes incertezas e desafios pairam em torno de tudo está relacionado com a atuação do Personal Trainer e/ ou intrutor de aulas de grupo.

Devido ao contexto atual de estado de emergência e isolamento social, os
ginásios e associações desportivas, foram naturalmente obrigadas a fechar portas,
como medida para conter esta Pandemia, este setor como já foi dito na comunicação
social, foi dos mais afetados na sua atividade.

Muitos dos que publicam conteúdo, não o está a fazer de maneira criteriosa, ou seja, com um publico alvo
A maioria de quem publica conteúdo, não o está a fazer de maneira criteriosa, ou seja, com um publico alvo.

Os Ginásios/clubes e os seus respetivos profissionais do exercício, com receio
de perder os seus clientes e a sua fonte de rendimento, fez com que nas últimas
semanas, muitos de nós, com acesso a redes sociais, fossemos bombardeados com
uma quantidade exorbitante de conteúdo online, para a prática de exercício físico.
O que à primeira vista seria uma excelente opção, poderá ser um problema, isto porque a maioria de quem publica conteúdo, não o está a fazer de maneira criteriosa, ou seja, com um publico alvo, e muitos dos que recebem esse conteúdo poderão
não saber filtrar para si próprios o que se ajusta ou não à sua estrutura e
capacidade física (o que é normal não sendo da área profissional ou se não tem muita
experiência em exercício físico).

Alguém que está no conforto do seu lar a cumprir o seu isolamento, poderá
sentir-se tentado a fazer um destes “programas”.
• Problema nº1:
Esta pessoa nunca fez atividade física
• Problema nº2
A atividade física não ajustada à sua condição física (intensidade maior que a
própria capacidade) tem um efeito agudo imunodepressor. O exercício físico quando
ajustado a cada um, tem a médio-longo prazo, um efeito positivo e crónico no sistema
imunitário melhorando a resposta do nosso organismo a agressões externas. E nesta
fase queremos manter o sistema imunitário bem preparado! Realizar exercício
moderado e ajustado a cada um, é o ponto de ordem!

Este é um problema da atividade física não orientada para um publico alvo,
tanto no digital como no terreno!

O Personal Trainer, nesta fase, deverá ter uma participação ativa, mas
resumindo a sua prescrição de exercício ao básico e essencial, padrões de movimentos
mais simples, exercícios menos integrados, limitar a prescrição a exercícios, que
sabemos que o nosso cliente é capaz de realizar com segurança, porque o
conhecemos, e esta é a chave, conhecer a pessoa ou as pessoas a quem estamos a
orientar ou prescrever exercício.

O Personal Trainer, nesta fase, deve ter uma participação ativa, mas resumindo a sua prescrição de exercício ao básico e essencial, padrões de movimentos mais simples...e que sabemos que o nosso cliente é capaz de realizar com segurança...
O Personal Trainer, nesta fase, deverá ter uma participação ativa, mas resumindo a sua prescrição de exercício ao básico e essencial… e que sabemos que o nosso cliente é capaz de realizar com segurança….

A opção de fazer treino on-line, em direto (live streaming), permite, atualmente, ao
treinador uma melhor perceção em tempo real do que esta a ser feito, mesmo que há
distância, permitindo corrigir, motivar e treinar de forma mais segura.
Nas atividades de Grupo o ideal nesta fase é que não seja um grupo grande, um
“small group” (máximo 4/5 pessoas) o mais homogéneo possível e o profissional esteja
familiarizado com todos.

Independentemente se fizer treino em grupo ou individual, o mais importante
é que saiba que o profissional que está a seguir seja alguém certificado e habilitado
para que seja prudente consigo próprio.
Treinar em live streaming com o seu “PT” é, neste momento, uma forma mais segura e motivante
para se manter ativo e saudável.

Podemos e devemos continuar a mantermo-nos ativos, mas sempre em segurança.

Texto de Ricardo Dias – Fit & Wellness