Blog PTX

Professora Joana Serpa em entrevista exclusica ao Blog PTX

Entrevista à professora Joana Serpa – Exercício Físico e Mudança Comportamental

Entrevista PTX a Joana Serpa

Professora Joana Serpa explica no nosso Blog as semelhanças entre o Desporto e mundo empresarial
Passar esta paixão aos meus alunos, e assistir ao crescimento profissional deles, e a serem eles também a transformar vidas, no caminho da saúde através do exercício físico, é sem dúvida o que mais me realiza profissionalmente.

1 – Quando surgiu o gosto pela área do exercício e saúde?

Na verdade, o meu entusiasmo académico inicialmente estava totalmente focado no Alto Rendimento. Fui ginasta muitos anos, e todo o percurso e experiência no rendimento desportivo atraía-me, julgo que pela necessidade constante de desafio e superação. Daí a minha formação académica, depois da licenciatura, ter sido na área do rendimento. Ter começado, ainda estudante, a trabalhar com pessoas idosas fez-me pensar de outra forma, e acabei por me deixar levar pelos “encantos” do exercício físico, do ponto de vista da saúde física, mas especialmente pelas competências psicossociais que a prática regular permite desenvolver.

Perceber e poder participar em processos de mudança comportamental, no sentido da aquisição de hábitos saudáveis é espantoso. Apoiar e acompanhar as pessoas no caminho da descoberta dos benefícios da prática regular de exercício físico, é o que me traz mais realização. Passar esta paixão aos meus alunos, e assistir ao crescimento profissional deles, e a serem eles também a transformar vidas, no caminho da saúde através do exercício físico, é sem dúvida o que mais me realiza profissionalmente.

2- Com vários anos como docente e dirigente no ensino superior tem contribuído para formação de inúmeros profissionais da área do exercício. Como é assistir à progressão dos seus alunos e constatar a sua afirmação no mercado de trabalho?

É a máxima realização. Não posso ficar mais satisfeita por eles. É a sensação de dever cumprido. Orgulho-me muito de, hoje em dia, recomendar os meus ex-alunos aos meus amigos e familiares. Sei que vão fazer um excelente trabalho. O mérito é deles, o trabalho foi e é deles.

Uma carreira profissional nesta área, e a criação de uma marca é muito difícil, demora tempo, implica muita dedicação e foco. Contudo, posso dizer que são muitos os que, hoje em dia, marcam a diferença não só no Algarve, mas no resto do país. Hoje em dia, são eles que ensinam os meus filhos, e serão recordados por eles como pessoas significativas nas suas vidas.

3- Quais os principais desafios na área do exercício e saúde em Portugal e que conselhos gostaria de deixar a todos os que pretendem continuar a investir nesta área?

O Sedentarismo e o aumento da esperança média de vida, com especial destaque para as mulheres, isto é, vivemos mais, mas o desafio está em adicionar qualidade a esses anos. Referi as mulheres, porque a esperança média de vida apresenta um valor superior nas senhoras, mas também já é do conhecimento público que esses anos que elas vivem a mais não são anos saudáveis, são anos de doença, que fragilizam e provocam sofrimento.

Preparar o envelhecimento saudável, desde a idade jovem adulta, com aquisição de estilos de vida ativos, é sem dúvida o nosso desafio.

Deste modo, serão necessários técnicos bem preparados do ponto de vista técnico, que se diferenciaram na sua formação porque investiram muito e bem, mas humanizados, ou seja, que entendam e se apaixonem pelo trabalho com pessoas, para pessoas.

O contexto empresarial, assemelha-se ao Desporto. Estamos a falar nos dois casos, de alta performance, de superação, de treino de competências para atingir bons resultados.
O contexto empresarial, de certa forma, assemelha-se ao Desporto. Estamos a falar nos dois casos, de alta performance, de superação, de treino de competências para atingir bons resultados.

4- Todo este tempo de dedicação às Ciências do Desporto e da Educação fez com que naturalmente progredisse em áreas complementares como a Psicologia do Desporto, Atividade Física, Gerontologia Social, Gestão de Ginásios e Health Clubs, Parentalidade e Educação Positiva. Como é este processo de combinação das diferentes áreas ao serviço do ensino/ formação.

Apesar de não terem sido propriamente planeadas e definidas a longo prazo como objetivos a atingir, pois fui fazendo estas diferentes formações à medida que me foi surgindo ou necessidade ou curiosidade, estas diversas áreas têm sido extremamente úteis. Ao longo da minha carreira, o facto de ter escolhido áreas de formação variadas, trouxeram-me oportunidades inesperadas.

Por exemplo, quando me inscrevi na pós-graduação em Gerontologia Social, em 2004, ninguém compreendeu este meu “desvio” relativamente à área do Desporto. Aliás, a minha turma era constituída por enfermeiros, assistentes sociais e… eu, de Educação Física. Não fazia aparentemente sentido. Todavia, sair do meu contexto habitual, embora com a população que me interessava estudar, permitiu-me entender, entender e dignificar a pessoa idosa. Naturalmente que o meu trabalho, seja enquanto técnica de desporto, ou enquanto docente do ensino superior, melhorou imenso, porque entendi a pessoa idosa de todas as perspetivas, e não só a vertente fisiológica/física, que foi a que tive acesso na licenciatura. Entender conceitos como Envelhecimento Ativo, isolamento, suporte social, cuidados paliativos, etc… permitiu-se passar para um nível de conhecimento bem mais robusto e amadurecido, o que me levou a exercer melhor as minhas funções.

Deste modo, de uma forma abreviada, o facto de ter várias formações na “manga” aumentou a minha capacidade de adaptação profissional, dando-me segurança para atuar em diferentes contextos.

5- Atualmente também coloca toda a experiência e conhecimentos acumulados estes anos ao serviço do acompanhamento de empresas. Fale-nos do seu projeto 2SIGLAS.

A 2SIGLAS surgiu na minha vida, numa fase de paragem profissional, de uma forma algo inesperada. Não estava nos meus planos.

Em resposta a um convite de uma amiga, já sócia da empresa, que acreditou nas minhas capacidades, aceitei o desafio e tenho vindo a desenvolver competências na área da formação profissional e consultoria de recursos humanos. Com o total apoio da minha sócia, temos consolidado a nossa marca no mercado, através de um trabalho sério, à medida das necessidades do cliente, e por isso, felizmente temos tido sucesso. O contexto empresarial, de certa forma, assemelha-se ao Desporto.

Estamos a falar nos dois casos, de alta performance, de superação, de treino de competências para atingir bons resultados. O conhecimento do mundo do Desporto tem-me permitido ajudar os nossos clientes a encontrar soluções para as suas necessidades. Tem sido uma experiência muito enriquecedora.

Currículo

– Licenciada em Ciências do Desporto – Faculdade de Motricidade Humana – UTL
– Mestre em Treino de Alto Rendimento – FMH/UTL
– Doutorada em Formação de Professores de Educação Física – tese na área dos estilos de vida ativos, imagem corporal e inteligência emocional
– Pós-graduada em Gerontologia Social – ISSS Lisboa;
– Pós-graduada em Psicologia do Desporto e da Atividade Física – ISPA;
– Pós-graduada em Ginásios e Health Clubs – Lusófona/Manz
– Pós-graduada em Parentalidade Positiva
Experiência Profissional
– 12 anos como docente no Instituto Superior Dom Afonso III – Loulé
– Atualmente: Sócia gerente e consultora na empresa de formação profissional e consultoria 2SIGLAS
– Atualmente: Professora Adjunta Convidada, no Curso de Desporto, da Escola Superior de Educação e Comunicação da UAlg