envelhecimento activo
atividade física
18 de Julho, 2021

Atividade física e envelhecimento

A evidência mostra cada vez mais que a prática regular de atividade física é segura para pessoas de mais idade, sejam elas saudáveis ou menos saudáveis (entendemos como mais frágeis).

Assim como os riscos de desenvolver/originar doenças graves do foro cardiovascular ou metabólicas; obesidade; quedas; problemas do foro cognitivo; osteoporose; fraqueza muscular, diminuem pela realização regular de atividades que vão desde uma intensidade mais baixa (andar) até atividades mais vigorosas de caráter desportivo e mesmo exercício com resistências, vulgo treino de força.

Não nos podemos então cansar de referir que a atividade física regular melhora toda a função física e mental como pode, potencialmente, fazer regredir alguns dos efeitos de doenças crónicas de forma a manter as pessoas mais móveis e independentes. Mas apesar destes efeitos, altamente publicitados, o estilo de vida sedentário parece predominar, especialmente, na franja mais velha da nossa sociedade resultando num surgimento prematuro de problemas de saúde, doenças e tornando esta faixa etária mais “frágil”.

O grande desafio é pois saber como estimular uma maior adesão destas pessoas à prática de “atividade física”.

Algumas sugestões ditam que esses conselhos poderão partir dos próprios médicos, família ou amigos, controlando os seus custos e mantendo os índices de prazer altos.  A inclusão em atividades de grupo poderá ser um primeira solução.

Atividade física e envelhecimento.
Atividade física e envelhecimento.

No final o principal objetivo é aproximar a maioria dos indivíduos da linha representada pela letra “c”. Ou seja no declínio natural, que todos nós iremos sentir, acontecer o mais tarde possível e podermos gozar de mais anos num limiar de boa saúde (“good health“).

Podemos também perceber que na grande parte uma boa função fisiológica é mantida até meia idade e a partir daí é que os efeitos negativos mais se fazem sentir. Por isso intervir nessas idade é importante como também proliferar a prática de exercício físico quase que como profilaxia.

Continuação de bons treinos.

Referências:

blog

Treino online
Treino de força
Treino ao ar livre
Treino
Testemunho
Terapia Ocupacional
Sono
Sem categoria
saúde
Reflexão da Semana
Prevenção de lesões
Preparação Física
Preparação Física
Postura
Personal Trainer
Perda de Peso
Osteoporose
Nutrição
Músculos
Multidisciplinaridade
Medicina
Golfe
genética
Futebol
Fisioterapia Desportiva
Fisioterapia
Exercício Físico
Exercício Clínico
Envelhecimento
Entrevista
Ensino
Educação
Direito Desportivo
Diabetes
Desporto juvenil
Cycling
Comunicação
coluna
Ciência
Cardio
Cancro
Biomecânica
Atletismo
atividade física